• 15 sugestões para melhorar a motivação no trabalho

    As ações para motivar pessoas podem ser de diferentes naturezas. É dado adquirido que valores monetários é uma das formas com menor impacto na motivação no trabalho colaboradores, por isso, compete às chefias implementar estratégias de conhecimento das suas equipas para conseguir motivá-las de forma eficiente.

    A motivação dos colaboradores pode partir de iniciativas direta ou indiretamente relacionadas com as tarefas que desempenham profissionalmente. Existem muitas condicionantes a dificultar o processo de motivação no trabalho. Se, por um lado, os elementos motivadores de cada indivíduo podem ser bastante distintos, por outro, as equipas têm a sua própria dinâmica. Por isso, as estratégias de motivação no trabalho devem ter em conta as especificidades do grupo.

     

    Aqui ficam 15 SUGESTÕES DE AÇÕES DE MOTIVAÇÃO NO TRABALHO

    1. Nomeação de um Gestor de Felicidade

    Cuja responsabilidade é exatamente garantir a motivação dos colaboradores e o bom ambiente de trabalho.

    2. Promover a criatividade

    Algumas empresas permitem que uma percentagem do tempo de trabalho dos colaboradores possa ser alocada a projetos de melhoria de processos internos ou de inovações a sugerir pelos colaboradores. Por exemplo, o tema da sustentabilidade nas empresas traz a criatividade ao de cima e as pessoas podem participar partilhando ideias e sentindo-se parte integrante do processo.

    3. Dar aos colaboradores tempo para investirem em si e em projetos seus disponibilizando recursos da empresa para maximizarem resultados

    Manter o interesse em hobbies e apoiar essa atividade de lazer é uma forma de manter a produtividade e a motivação. Exemplo: se o seu colaborador tem uma banda de garagem, disponibilize um espaço para ensaios.

    4. Permitir que os colaboradores sejam CEO’s dos seus próprios projetos dentro das empresas

    Sendo responsabilizados pela sua coordenação e desenvolvimento. Numa ótica de promover a veia empreendedora de cada um. Esta abertura por parte das chefias está diretamente ligada à participação e envolvimento dos colaboradores nas atividades da empresa, permitindo que estes partilhem propostas e ideias, sendo depois responsáveis pela sua implementação. Esta é uma forma efetiva de dar um voto de confiança e realçar a importância do indivíduo na organização.

    5. Disponibilização de sessões de yoga, meditação, ginástica laboral

    Para aliviar o stress e promover o bem-estar. O investimento financeiro necessário é reduzido embora o impacto sobre a motivação dos colaboradores seja muito relevante. Mas, ainda que não haja um investimento financeiro direto por parte da empresa, a flexibilidade de horários e a disponibilização de espaço para que estas sessões possam ser frequentadas – realisticamente – pelos colaboradores são duas ferramentas úteis na motivação dos colaboradores.

    6. Dia de trazer a família para o trabalho

    Algumas empresas implementam à 6ªf o Dia da Família e é permitido que os colaboradores levem os seus filhos para o local de trabalho. Envolver a família, mostrando o seu local de trabalho, responsabilidades e ambiente profissional é motivo de orgulho e motivação. Esta é a forma mais simples e bem aceite de tornar a sua empresa mais family-friendly.

    7. Realçar a importância das conquistas pessoais

    Assim como dos eventos especiais como casamentos ou a entrada na universidade dos filhos dos colaboradores mostra quão importante é esse colaborador e a sua felicidade para a empresa. Porém, este tipo de ações só tem verdadeiramente impacto caso existam políticas em prol do equilíbrio da vida pessoal e profissional na empresa.

    8. Plano de formação que reflita o investimento da empresa no crescimento e performance individuais

    Mais do que saber-fazer, os colaboradores sentem-se motivados por ações de formação que incidem em soft skills. Por exemplo: formação de liderança, comunicação ou gestão. NOTA: formações de longa duração podem ter efeito contrário pois implicam um grande investimento de tempo e esforço logístico para que os colaboradores as possam frequentar.

    9. Comunicação

    Comunicar resultados e metas atingidas pela empresa é uma excelente forma de mostrar como cada um dos seus elementos é fundamental ao desempenho da atividade corporativa.

    A comunicação de objetivos claros e realistas, mas ambiciosos são uma forma de manter a motivação dos colaboradores. É necessário que haja equilíbrio entre os objetivos individuais, que dependem apenas da prestação do colaborador, e os coletivos, que fomentarão o trabalho em equipa.

    Mas este processo não fica encerrado sem enaltecer quando eles são atingidos ou identificar as razões que levaram ao não cumprimento dos objetivos definidos.

    Nestes casos, ser transparente e mostrar como esperam contornar a situação pode ser muito motivante. Mas os níveis de motivação no trabalho podem ser ainda mais elevados caso haja espaço para que os colaboradores possam participar na procura de soluções.

    10. Flexibilidade no modelo de trabalho

    Por fim, e atendendo às mudanças sociais e individuais fruto da pandemia, o ambiente de trabalho e a flexibilidade no modelo de trabalho (remoto ou híbrido) ganharam particular relevo na retenção de talento e, obviamente, na sua motivação no trabalho.

    Esta flexibilidade está diretamente relacionada com a autonomia que os colaboradores sentem no desenrolar das suas funções, o que eleva os índices de motivação dos colaboradores.

    11. Ser criativo e flexível na atribuição de benefícios

    Nem sempre as recompensas monetárias são as mais motivadoras, por isso há que conhecer os colaboradores e saber o que valorizam: dias de folga, vouchers, parcerias para frequentarem serviços de bem-estar com preços especiais, dias extraordinários de férias, formas de pagamento mais flexíveis, etc.

    12. Oferecer as melhores condições físicas, logísticas e tecnológicas para o desempenho das funções de cada um

    A mudança de mobiliário que está ultrapassado e desconfortável ou a atualização da iluminação para um ambiente mais agradável e sustentável são investimentos que trazem elevados boosts à motivação no trabalho.

    13. Equipas multidisciplinares

    Estas tendem a desenvolver projetos mais ambiciosos, consequentemente, mais motivadores para os envolvidos. Estes projetos podem não ser para entidades externas, podem apenas estar relacionados com algum objetivo em equipa, em ambiente interno. Este tipo de projeto pode estar relacionado com a procura de uma solução para melhorar determinado processo interno.

    14. Ações de teambuilding regulares

    Como o próprio nome sugere, pretende a “construção de equipas”. Estas ações promovem o conhecimento dos indivíduos entre equipas, departamentos ou dentro do próprio departamento. Quando a relação pessoal é facilitada, o processo profissional tende a ser mais ágil, logo mais bem-sucedido e motivador.

    15. Compensação financeira de acordo com as tarefas desempenhadas

    Na média do mercado e atualizada sempre que pertinente para fazer jus às condições de mercado e ao custo de vida. O salário não é tudo e a componente psicológica ou emocional no que o colaborador entende retirar daquela entidade patronal tem imenso impacto. Mas se o salário não é atualizado e não responde ao real custo de vida, todas as ações extraordinárias de bem-estar e motivação no trabalho tendem a não surtir efeito, pois as necessidades básicas não são colmatadas. Lembram-se de ouvir falar da Pirâmide de Maslow, ela tem tido a sua importância nos últimos tempos em que muito se discute o OE2023.

     

    A motivação no trabalho tem sido alvo de estudo há décadas, pelo que existem várias correntes, opiniões e experiências que podem ajudar à identificação de estratégias vantajosas para as equipas em questão. Salientamos que a motivação no trabalho está diretamente ligada ao envolvimento, participação e valorização das pessoas.

    Já foi mencionado noutros conteúdos veiculados pela Sodexo. Contudo, nunca é demais relembrar que caso as ações em prol do bem-estar, flexibilidade e valorização do equilíbrio da vida pessoal com a profissional resultem em algum tipo de pressão por superiores ou pares, as iniciativas não terão o impacto desejado. Podem, inclusive, provocar o efeito oposto e com isso gerar um clima de desconfiança e de descomprometimento para com a empresa.

    Ser transparente através de uma comunicação bilateral (bottom-up e vice-versa) clara e facilitada poderia ser a 16º dica para fomentar a motivação no trabalho.

    Vai implementar alguma destas estratégias na sua empresa?

  • Não perca os nossos conteúdos!

    Receba em primeira mão
    os nossos posts

    diretamente no seu e-mail

    Subscreva

    o nosso
    Blog Sodexo

    Tenha acesso direto aos nossos artigos